Wilken Fevrier 1
Wilken Fevrier 3
Partilhar no Twitter

Wilken Fevrier é originalmente de Port-au-Prince, Haiti, e foi para a formação dos Missionários do Verbo Divino no Colegio Verbo Divino, de Epworth, Iowa, em agosto de 2013. Graduou-se com um Bacharel em Filosofia em maio 2018 e é agora um novicio no Noviciado do Verbo Divino em Techny, Illinois. Aqui ele nos fala sobre a sua vocação.

"Às vezes é difícil imaginar o que Deus tem em mente para nós, muitas vezes, como seres humanos, temos a tendência de pensar que Deus nos abandonou quando as coisas não vão tão bem, mas uma coisa é certa .. Devemos confiar en Deus a través do que acontece.

O terremoto no Haiti em 2010 abriu meus olhos para o quão frágil somos. Ao olhar para esta catástrofe, alguém poderia perguntar onde está Deus em toda essa dor e sofrimento. Eu me fiz essa pergunta. Depois de um tempo, fiquei surpreso ao ver como as pessoas olhavam uns atrás dos outros e como rapidamente se tornou uma família neste momento difícil. A obra de Deus, claro!

Refletir sobre essa experiência levou-me a me fazer essas três perguntas: "Por que ainda estou vivo?" "Qual é o meu propósito na vida?" E "como posso ajudar o povo de Deus?" Em 2013, meu esforço para responder a essas perguntas me levou ao seminário "Divine Word College, em Epworth, Iowa. Com a ajuda de meu diretor espiritual, pude refletir sobre o cuidado de Deus por mim e seu chamado à vida religiosa como Missionário do Verbo Divino.

Em 1º de agosto de 2018, entrei oficialmente no Noviciado dos Missionários do Verbo Divino para esclarecer meu chamado à vida religiosa e talvez para responder a algumas das perguntas que me fiz em 2010. Antes de entrar no noviciado, ouvi muitas coisas boas sobre isso. Mesmo assim, estava nervoso e não tinha certeza se o que eu ouvira era verdade. Durante o mês de julho, antes de ingressar no noviciado, tive muitos pensamentos e até tive dificuldade em dormir, pois queria saber se deveria ir ao Noviciado ou não. Saí do meu quarto por volta da meia-noite para ir à capela em Bordentown, Nova Jersey, para orar e passar um tempo em silêncio. Uma coisa que eu sempre lembro foi o conselho que meu antigo diretor espiritual me deu: "Wilken, é normal ter dúvidas". Com esse conselho em mente, dia após dia comecei a recuperar a esperança em Deus e a confiança em mim mesmo.

Depois de três semanas no programa do Noviciado, que incluiu uma semana de retiro silencioso, sinto-me muito calmo e em paz. Para mim, o Noviciado é um tempo para me deixar guiar espiritualmente. O silêncio, a solidão e a oração me ajudam a aprofundar meu chamado para ver o que a vida nos reserva quando me aproximo de Deus.

Não há desculpas: devemos sempre crescer

O Noviciado me permite ir além de todas as distrações. Eu sinto que não tenho desculpa para não crescer espiritualmente. Não há lição acadêmicas para preencher e não há revistas semanais para enviar, como meus anos anteriores da faculdade. No Noviciado, trata-se de experimentar Deus em minha vida cotidiana de contemplação e oração. Eu vejo tudo como uma viagem diária com Deus. Decidi não ir rápido, mas andar devagar com a providência de Deus. Definitivamente, estou animado para ver o que está por vir e descobrir a minha vocação. Eu tenho que me lembrar que Deus me sustenta e que eu não tenho que me preocupar. Eu me movo devagar, mas com certeza.

Como o declarado nas Constituições SVD nº 512, espero que, no final do meu ano de Noviciado, eu possa alcançar uma compreensão mais profunda de mim mesmo, um relacionamento mais próximo com Deus e, é claro, um melhor conhecimento da congregação do Verbo Divino. Isso me permitirá tomar uma decisão madura e responsável pela minha vida.

Wilken Fevrier


Publicado em “The Missionary Minute” 

http://www.svdvocations.org/meet-our-missionaries/men-formation/wilken-fevrier

Outras Notas

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24

Arnoldus Nota News Service - Avril 2020

A Equipe de Liderança se refere a essa pandemia como tendo um enorme potencial não apenas para alterar o mundo como o conhecemos, mas também para o modo de ser de nossa Congregação.  Durante esses tempos de incerteza, vamos ficar conectados. Uma maneira é compartilhar nossos ministérios no contexto da incerteza, insegurança e sofrimento, mas também com firme esperança e fé (em Castelhano)
Partilhar no Twitter

Capítulo 2: São Oscar Romero do mundo (2019)

Série animada sobre a vida de São Oscar Romero, um santo muito atual para seu país, El Salvador e o mundo. Este vídeo tem como objetivo principal resgatar a memória histórica, a cultura da paz e para que entendamos de maneira simples por que São Oscar Romero está entre os santos da Igreja e por que seu legado é uma riqueza para a Igreja. Uma produção de UCA Audiovisuais com o apoio do CAFOD Video (em Castelhano com legendas em inglês).
Partilhar no Twitter