Chapter 1
Chapter 2
Partilhar no Twitter

O XVIII Capítulo Geral convocou membros da SVD de todas as regiões do mundo no Centro Ad Gentes em Nemi, de 17 de junho a 14 de julho.

No total, 46 nações representavam, falando muito mais línguas, além das oficiais (inglês e espanhol), usadas nas sessões e na liturgia.

Se tivéssemos que descrever a natureza dessa longa reunião de um mês, poderíamos dizer que foi uma combinação de reunião, retiro e celebração de nossa identidade SVD, todos juntos.

Nossas raízes

Ao escolher o tema do Capítulo Geral: "O amor de Cristo nos impele (2 Coríntios 5:14): Enraizados na Palavra, comprometidos com sua missão", pode-se ver a intenção da Congregação de evocar sua fonte de inspiração mais importante: a Palavra de Deus.

De fato, a Palavra desempenhou um papel fundamental no decorrer do Capítulo, como foi lido, ouvido, compartilhado e rezado nas liturgias e nas sessões em que a Bíblia e a Vida foram compartilhadas. A Palavra tornou-se igualmente necessária para as deliberações e decisões que se referiam à vida e missão dos membros da Congregação hoje e no futuro.

Além de encontrar inspiração na Palavra, o Capítulo também se inspirou na espiritualidade da geração fundadora, apresentada aos capitulares pelo padre Jürgen Ommerborn, SVD e Sr. María Cristina Avalos, SSpS. Eles entregaram um conteúdo muito valioso de como Arnold Janssen entendeu a Congregação em relação a Deus.

De acordo com Pe. Ommerborn, o Fundador viveu e trabalhou com a convicção de que foi chamado por Deus para fundar a Congregação do Verbo Divino e as duas congregações das Irmãs. Sua consagração ao Espírito Santo, em 3 de outubro de 1887, ilustra sua profunda crença de que "nossa Congregação deve ser apenas um instrumento nas mãos de Deus" e que "a Congregação deve procurar renunciar à sua própria vontade".

A inspiração também veio do Papa Francisco, que os capitulares tiveram a oportunidade de conhecer durante a primeira semana do Capítulo Geral. Nesta audiência especial, o Papa Francisco também nos lembrou, como Missionários do Verbo Divino, que devemos retornar às nossas raízes como foram estabelecidas pelo nosso Fundador, e levar adiante nossa missão com os pobres e marginalizados bravamente e criativamente e com profunda confiança. na providência de Deus. O Papa Francisco disse: "São Arnaldo estava convencido de que na vida de um missionário não há nada que possa justificar a falta de coragem e confiança em Deus".

Finalmente, a inspiração também veio da sabedoria de cada um, compartilhando nossas experiências e articulando nossos pensamentos e esperanças para o futuro da Congregação através das várias orientações e prioridades que elaboramos.

Por Pe. Heinz Kulüke e a equipe de liderança

Publicado no boletim "Nota de Arnoldus" - agosto de 2018

Outras Notas

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24

Arnoldus Nota Serviço de Notícias - Novembro de 2019

Um novo serviço de Notícias do Generalato SVD de Roma para nos manter atualizados com a atividade missionária da congregação dos Missionários do Verbo Divino(em Castelhano).
Partilhar no Twitter

Sínodo para a Amazônia - presença da SVD

Entrevista com Miguel Heinz e José Boeing, ambos SVD, sobre os trabalhos e debates do Sínodo para a Amazônia (em Castelhano e Português).
Partilhar no Twitter